Páginas

sexta-feira, 11 de maio de 2012

Ordens médicas

Estava aqui pensando no que fazer com esse blog. Primeiro claro, pensei em algo lucrativo, escolher um nicho apropriado e investir em posts.

Mas percebo que muitos blogs vivem na verdade do trabalho dos outros. Ou seja vivem de copiar e colar em seus blogs nacionais o que encontraram em blogs internacionais. Isso me lembra o Lobão dizendo que "gozar com o pau dos outros é mole".

E como o pessoal gosta de dar nomes bonitos para suas próprias bobagens, se apropriaram do termo curadoria.


Ou seja, passar horas pesquisando blogs em outros idiomas e selecionando as fotos, tutoriais, temas etc que os outros fizeram, criaram, produziram em detalhes e divulgar dentro do seu país se tornou fazer curadoria de conteúdo na web.

Normalmente esses blogs são super acessados, tem bastante publicidade e conseguem renda. Sinceramente, acho uma bobagem e perda de tempo porque no fundo a pessoa nao faz nada e sim parasita os outros.
Citar coisas legais, compartilhar ok, isso é legal, agora basear todo o seu "negócio" no que os outros fazem nao me parece muito inteligente.

Nada como criar algo do zero, ensinar as pessoas, compartilhar , entreter mas partindo de voce, da sua criação, senão voce é só mais um, e facilmente vai ser substituido, porque na web nao existe sigilo de fontes, todo mundo em pouco tempo acha o que voce encontrou e segue também .

Obviamente desisti da opção lucrativa com curadoria, acho vazio, paciência, sou difícil.

O que fazer com esse blog então?

Usa-lo como sessão terapeutica ora bolas!
O espaço é meu, nao represento ninguém nem empresa alguma, posso falar todas as bobagens que quiser, como o conteúdo desse post, e ainda me sentir aliviada por ter colocado pra fora o que explodia por dentro :-D

São ordens médicas: descansar mais, dormir mais, me preocupar menos, me aborrecer menos, priorizar as minhas necessidades e não dos outros o tempo todo, não comer gluten e nem açúcar. Os últimos tornam minha vida mais sempre graça, mas os primeiros sao os mais difíceis de seguir, mas estou tentando.

:-)




Nenhum comentário:

Postar um comentário